Postagens

Mostrando postagens de Abril, 2017

[Especial] Dia do Trabalho

Imagem
No último dia 08 de março postei um especial sobre o Dia da Mulher e neste 1º de maio, Dia do Trabalho, é a vez dos trabalhadores terem um espaço aqui no blog. Antes de tudo vamos viajar brevemente pela história. Em 1º de maio de 1886 na cidade de Chicago (Estados Unidos) milhares de trabalhadores fizeram manifestações por melhores condições de trabalho, no mesmo dia uma grande greve geral tomou conta do país. Dois dias depois um conflito entre policiais e manifestantes ocasionou a morte de alguns trabalhadores, gerando a revolta de outras e o agravamento da situação. Foram dias que marcaram a luta dos trabalhadores por condições mais favoráveis de trabalho e em homenagem aos muitos envolvidos nessa batalha a Segunda Internacional Socialista, que aconteceu em Paris no dia 20 de junho de 1889, criou o Dia Mundial do Trabalho, que começou a ser comemorado em 1º de maio de cada ano. Amanhã será um dia para comemorações? Sim, temos muitas conquistas a agradecer. Mas também será um dia para …

[WebSérie] Sombras do Passado - Sinopse

Imagem
Tudo começou com a perversa ambição de Verônica Morgan, nunca contente pelo que possuía sempre queria mais e mais não importasse as barreiras. Cheia de segredos e mistérios se mostra um verdadeiro pesadelo na vida de Renata, que ainda criança precisa pedir de São Paulo para sobreviver. Mas há males que veem para bem.
A garota indefesa é encontrada na praia de Fortaleza por uma mulher rica, estilista em terras Americanas, proprietária da conceituada Button Modas. Renata Morgan, anos depois, passa a se chamar Renata Button, uma mulher de espírito iluminado, mas que vive cercada por uma sombra pesada do passado. Amor? Nunca sentiu. Confiança? Jamais teve. Vingança? É o seu objetivo.
É dia 01º Às 19h30, aqui, no Coisas da Vida Não percam!

[Pela História] O Egito Antigo

Imagem
Conhecido pelo grau de inteligência elevado em relação à tecnologia da época, o povo egípcio se desenvolveu ao redor do Rio Nilo por volta de 4000 a.C. Dentre as explicações está o benefício que o rio proporcionava aos agricultores, já que durante as previsíveis enchentes suas margens tinham a fertilidade fortalecida. Além disso, as águas do Nilo serviam tanto para o consumo humano, quanto para o transporte de pessoas e mercadorias através de barcos.

Política Para compreendermos como aconteceu a estruturação do império egípcio precisamos estudar dois períodos: o Pré-Dinástico e o Dinástico.
Período Pré-Dinástico Surgem os chamados nomos que podem ser ilustrados como microreinos que deram origem a outros dois: ao Alto Egito, localizado em terras altas em relação ao Nilo; e ao Baixo Egito, localizado em terras baixas em relação ao mesmo rio. Foi por volta de 3100 a.C. que o faraó Menés unificou os dois “reinos” dando origem ao potente Egito Antigo.
Período Dinástico A partir da unificação d…

Desabafar

Imagem
A vida é um tanto quanto desafiadora, testa nossos limites, por vezes nos coloca à prova de fogo e com tudo isso vamos nos enchendo de tantos sentimentos, de tantos anseios e medos, vamos nos abafando com o calor dos dias e quando vemos já não há espaço nem para nós mesmos, precisamos desabafar. Mas ninguém nos entende, ninguém nos compreende, poucos são aqueles que querem nos ouvir, poucos são aqueles que querem nos ajudar, mas mesmo assim aqueles que estão aptos a serem nosso apoio às vezes não conseguem nos entender, não conseguem enxergar aquilo que realmente estamos sentindo, aquilo que nos consome por dentro e nos angustia de uma forma que parece nos sufocar. Eles não conseguem colocar a mão lá dentro, onde está doendo, e massagear, fazer a dor passar, em algumas situações acabam cutucando a ferida.
Mas desabafar é fundamental para que ninguém se enlouqueça com a brutalidade do mundo. Então como? Como achar uma forma de desafogar do mar de turbulências?
Cada um a seu modo deve enco…

Ser Adolescente

Imagem
Ah! A adolescência... Época esperada por tantos, época malquista por muitos...

Enquanto somos crianças vemos nossos primos mais velhos, ou até mesmo outras pessoas próximas de nós, entrando nessa fase tão explosiva da vida. Pensamos que é muito bom, achamos que é nela que virá a independência, que nela seremos mais livres, tudo fachada.

Entramos na adolescência, nos achamos donos de nós mesmos, mas somos frustados ao nos depararmos com as confusões que sobre nossa mente vaga pairam. Queremos correr contra o tempo, queremos tudo para já, mas nos decepcionamos com a espera que temos que enfrentar.

Como se não bastasse têm os nossos pais, achamos que eles não nos entendem, que querem nos privar da tão sonhada "liberdade", enquanto eles nos querem proteger das ilusões.

Tem ainda o frio na barriga por causa do primeiro amor, aquele medo de fazer alguma besteira; e o anseio por fazer parte na vida social? Mas às vezes não nos encaixamos em alguns grupos, achamos que a culpa é nos…

[Opinião] Envelhecer é Adquirir Sabedoria

Imagem
Infelizmente a sociedade atual em sua grande maioria vê o idoso como um alguém que não serve mais, que já “passou da data de validade”, que está ultrapassado em seu tempo, que não tem mais o que agregar. Um enorme preconceito absurdo que abre portas para o desrespeito, para a desvalorização e os torna cada vez mais vítimas da violência seja na rua ou mesmo dentro de casa, lastimável. Dentre os tantos tipos de violência a psicológica merece uma atenção especial, muitos idosos sofrem uma pressão desse tipo, são agredidos verbalmente o que não causa feridas no corpo, mas gera traumas na mente do afligido. Ele passa a se sentir incapaz, humilhado por não poder ser diferente, por já ter chego na idade das limitações, e começa a se isolar cada vez mais, a se esconder do mundo, a se esconder de sua própria vergonha como se ele fosse mesmo uma vergonha. Resultado dessa violência covarde? Morte por depressão. Só em 2015 foram 62.563 denúncias de violência contra o idoso para o disque 100. Entre …

[Conto] Amor na Guerra

Imagem
Em tempos de guerra a dor, a aflição, a incerteza sobre o dia de amanhã, a falta de fé e a desesperança são os sentimentos que imperam sobre os corações amedrontados, os corações que se questionam se pulsarão por muito tempo ainda ou não. Esses sentimentos não afligem apenas os soldados, aqueles que estão arriscando suas próprias vidas para o bem de uma nação inteira, por um povo que nem ao menos os conhece, como também afligem os entes queridos, os amigos e familiares, que não sabem ao certo se tornarão a abraçar o guerreiro ou não. Mas existe algo que sofre ainda mais: o amor, a paixão. Casais amantes de si mesmos, que são separados por uma guerra, angustiam-se muito, afinal de contas um encontrou no outro o alento para a sua alma, aquilo que os atraiu de uma maneira diferente, intensa, não querem se separar, já não pode viver sem estarem juntos.
Daniela era uma jovem mulher que possuía grandes planos para o futuro, mas esse futuro só aconteceria com a presença de Elias em sua vida, o …

Devista-se do preconceito, permita-se à vida!

Imagem
Nos últimos dias surgiu o polêmico “Baleia Azul” um jogo que tem por objetivo o suicídio. O que está acontecendo é que muitos não estão dando a devida atenção para o problema enquanto deveriam procurar entender o porquê de muitas pessoas, em sua maioria jovens, submeterem-se a algo do tipo. No post de hoje trago dois pontos extremamente importantes para que o diálogo possa acontecer: depressão e suicídio.
Depressão

Depressão é um sentimento de tristeza profunda que perdura semanas, meses e até anos e torna o indivíduo incapaz de realizar suas rotineiras tarefas. O depressivo apresenta um humor constantemente negativo, ideias sempre pessimistas e insatisfação quanto às atividades que antes amava realizar. Costuma valorizar as mensagens negativas que recebe e pouco se importar com os incentivos que lhe oferecem. Passa a se isolar, a se comportar apaticamente quanto aos outros, a se de desesperanças e, em casos mais graves, procurar o suicídio. O maior vilão do depressivo é o pensamento de…

[WebSérie] A Delegada - 2ª Temporada

Imagem
Capítulo 10 - Último Capítulo “S    eria mais uma manhã tranqüila se não fosse a perversão do crime. A escola estava cheia, as crianças corriam de um lado ao outro durante o recreio, gritavam com a energia infantil, gargalhavam pelas brincadeiras, estavam eufóricas na diversão com os amigos. Um homem de bicicleta, usando um boné preto que cobria parte dos olhos, espreitava a escola cujos muros eram de grades. Notando a distração dos inspetores que preocupavam-se apenas com a vigilância sobre as crianças, ele tirou da bolsa uma caixa, fez alguns ajustes na eletrônica do acessório e o lançou dentro da escola, fugindo em seguida como se nada tivesse acontecido, ou estivesse para acontecer. Um garoto que aparentava ter os sete anos de idade estava sentado em um dos bancos do parquinho, esperando que seu amigo voltasse do banheiro, quando notou alguma coisa caindo perto a ele. Cobiçado pela cor chamativa o menino correu até o objeto, curioso em descobrir de que se tratava. — Posso ver? – uma das…